PandAnime

Pontos Turísticos | Conhecendo o Japão

Compartilhe

Pontos Turísticos — Conhecendo o Japão

Tokyo

Em tempos antigos, a área da Baía de Tokyo já era populada, mas a fundação oficial aconteceu no ano de 1457 quando foi construído o Castelo de Edo. A área de rodeava o castelo passou a se chamar Edo (antigo nome de Tóquio).

Por volta de XVII, Edo se tornou uma das áreas mais populosas do mundo, com mais de 1 milhão de habitantes. A cidade sofreu vários incêndios, tendo um deles, em 1657, matado mais de cem mil pessoas. Esses incêndios ocorriam devido à arquitetura da cidade, onde as edificações eram geralmente construídas em madeira.
A cidade sofreu também outros desastres, como a Erupção do Monte Fuji, em 1707 e um grande terremoto em 1855.

Com a chegada de Mathew Perri na Baía de Tóquio em 1853, aconteceu o tratado entre Edo e os Estados Unidos e após o tratado, a cidade passou a sofrer grande influência do estilo ocidental. Em 1868, a cidade mudou seu nome de EDO para TOKYO e em 1871 aboliram-se os feudos e foram criadas prefeituras e um ano depois a cidade foi expandida para os 23 bairros que até hoje possui. Em 1889 estabeleceu-se a Cidade de Tóquio, que era formada por 15 bairros.

Osaka 

Osaka é uma cidade japonesa localizada na província de mesmo nome. Com uma população estimada em 2.649.601 habitantes (2010) é a terceira cidade mais populosa do Japão, atrás somente de Yokohama e da capital, Tóquio. Localiza-se em região de Kansai, no sul da ilha de Honshu. Forma com as cidades periféricas de Kobe e Kyoto (e respectivas regiões metropolitanas) uma aglomeração urbana de 17,4 milhões de habitantes.2 Originalmente fundada durante a Era Edo, está entre as cidades mais antigas do país, havendo vestígios de palácios imperiais desde o século IV, incluindo o mundialmente famoso Ōsaka-jō (ou "Castelo de Osaka", em tradução para o português), erguido no século XVI e um dos mais importantes símbolos da cidade.

Considerado o segundo mais importante centro financeiro do Japão, sendo superado somente por Tóquio, está entre os maiores centros de negócios e finanças do planeta. Sua região Metropolitana, conhecida como "Keihanshin", é a segunda mais importante do país (atrás apenas, mais uma vez, da de Tóquio) em termos financeiros, e seu Produto Interno Bruto (PIB) está estimado em US$390 bilhões, o 9o maior do mundo (segundo dados de 2008).

Historicamente um importante centro comercial do Japão, Osaka possui funções como um dos principais e mais desenvolvidos centros de comando para a economia asiática. Centro de uma conurbada aglomeração urbana, a população da cidade de Osaka aumenta, em dias úteis, durante o dia, de 2,6 para cerca de 3,7 milhões de habitantes (2010; fazendo com que a cidade, durante esse período figure como a segunda mais populosa do país, superada somente pela capital Tóquio e superando Yokohama) , em razão das mais de 1,1 milhão de pessoas que se deslocam de cidades periféricas ou próximas para trabalhar ou estudar. Durante a Era Edo, costumava ser referido como a "Cozinha da Nação" (天下 の 台所, em japonês) porque era o centro nacional do comércio de arroz, e de armazenamento de peixes e grãos

Yokohama 

Yokohama é uma cidade japonesa localizada na província de Kanagawa, dentro da região metropolitana de Tóquio, onde também se localiza a capital do país.

Em 2004 a cidade tinha uma população estimada em 3 555 473 habitantes e uma densidade populacional de 8 174 h/km² sendo a segunda maior cidade do Japão. Tem uma área total de 434,98 km².

Recebeu o estatuto de cidade a 1 de Abril de 1889.

É a maior cidade independente do Japão e o maior porto, com a concentração comercial da área da Grande Tóquio. Um dos ex-libris da cidade é a Yokohama Landmark Tower, o mais alto edifício do Japão (296 m de altura). O Estádio Internacional de Yokohama foi o palco da final da Copa do Mundo FIFA de 2002.

Em 1854, Yokohama era uma pequena aldeia piscatória, mas a partir desta data, a qual coincide com a chegada do comodoro norte-americano Matthew Calbraith Perry, a povoação começou a desenvolver-se, até que em 1859 tornou-se um porto de comércio importante e o local para o estabelecimento de estrangeiros que gozavam de direitos extraterritoriais.

Nesta época a cidade passou a ser essencialmente conhecida pela exportação de seda, embora continuasse ligada à pesca. O comércio estrangeiro conduziu para o rápido crescimento de Yokohama, que funcionou durante a segunda metade do século XIX como um dos principais portos do Oceano Pacífico.

A primeira linha de caminho-de-ferro foi construída em 1872 para a ligação de Yokohama a Tóquio e impulsionou de tal modo o seu desenvolvimento que em 1889 se tornou cidade. Passada uma década os direitos de comércio extraterritoriais na cidade foram abolidos.

Em 1923 Yokohama foi vítima de um violento sismo (Grande sismo de Kantō) que destruiu parcialmente a cidade. Apesar das consequências negativas, este acontecimento potenciou o desenvolvimento da cidade, que foi rapidamente reconstruída, modernizada e alvo de várias alterações, nomeadamente no seu porto.

Durante a Segunda Guerra Mundial, Yokohama foi atingida por pesados bombardeamentos aéreos, conseguindo contudo superar este obstáculo e prosseguir com o seu desenvolvimento ligado às facilidades portuárias e à indústria.

Kyoto 

Kyoto é uma cidade do Japão na província homônima no centro sul do país. Fundada no século I, foi a capital do Japão Imperial, sendo substituída por Tóquio em 1868.
Com uma população estimada em quase 1,5 milhão de pessoas (2010), Kyoto forma, juntamente com as cidades de Osaka eKobe, uma região metropolitana conhecida como Keihanshin, que abriga mais de 18,6 milhões de pessoas (dados de 2010), figurando como a segunda mais populosa região metropolitana do país, atrás apenas da Grande Tóquio. Foi em tempos conhecida no Ocidente por Meaco (japonês: 都; miyako), que significa, literalmente, "capital". Kyoto é ocasionalmente apelidada de "Velha Capital" e "Cidade dos Samurais".

Kanazawa 

Kanazawa (金沢市 -shi) é uma cidade japonesa localizada na província de Ishikawa.
Em 2003 a cidade tinha uma população estimada em 456 627 habitantes e uma densidade populacional de 976,18 h/km². Tem uma área total de 467,77 km².
Recebeu o estatuto de cidade a 1 de Abril de 1889.

Monte Fuji

O Monte Fuji (em japonês 富士山 Fuji-san) é a mais alta montanha da ilha de Honshu e de todo o arquipélago japonês. É umvulcão ativo, porém de baixo risco de erupção.
O monte Fuji localiza-se a oeste de Tóquio (de onde pode ser visto num dia limpo) próximo da costa do oceano Pacífico da ilha de Honshu, na fronteira entre as províncias de Shizuoka e de Yamanashi. Existem três pequenas cidades que envolvem o Monte Fuji, Gotemba a leste, Fuji-Yoshida a norte e Fujinomiya a sudoeste.
O monte Fuji é um dos símbolos mais conhecidos do Japão, sendo frequentemente retratado em obras de arte e fotografias e recebendo muitas visitas de alpinistas e turistas.

Comentários